Pensava Jão…


gorilla-674174_960_720

Devia ser coisa d’algum gene recessivo, distúrbio do sono d’algum cromossomo ou d’alguma célula insone – pensava Jão – a razão que o levava a raciocinar, assim tão diferentemente dos demais “Joões”. Ele já vinha sofrendo desde a nascença e tanto que já nem lembrava mais, por precaução, das preocupações que o “carcomiam” desde criança. E agora, Jão ainda merecia sofrer sendo carcomido por carcarás, depois de grande? Eita jorra! – pensava Jão. Ele também não fazia gosto das elocubrações das exatas, que acreditava existirem por “causdiquê” a curiosidade humana se fizera necessária pela sanha ensandecida de dar risada dos “cornos” dos outros Joões. Menos das “fuças”dele, que raciocinava, sua virtude e seu maior defeito, pensava. Mas que jorra! Só pensava! Não apreciava palavrões, “causdiquê” Jão era das humanas… E tanto, que sofria superlativamente a sofrência que todo João deveria sofrer individualmente, mas não acontecia. Devia ser coisa d’alguma válvula que ligada a alguma câmara cardíaca só se resolveria com cardioversão elétrica n’algum UPA-lelê por aí afora, ou ainda, isso só acontecia por culpa da sua cuca ser lelé, sei lá, quem sabe, né? – Pensava Jão. E ele que era das humanidades não entendia vaidades de um “mundo cão” e sequer entendia a expressão, já que todo bichinho dessa espécie lhe parecia ser mais irmão e inteligente que muitos Jãos que barbaramente rangem os dentes, pra prosear prosaicamente o que eles engolem facilmente da televisão, pensava Jão. E Jão seguia, sem saber plenamente se devia de fato prosseguir pensando diferente, caminhando lentamente pra juntar um mais dois ou dar dois tropicões pra frente e arrancar a unha do dedão seria indiferente e não reclamaria mais não no pensamento, ops! mas aí ele seria igual a todo João e isso não é “bão”, pensava Jão…

Anúncios

21 comentários sobre “Pensava Jão…

  1. …”E ele que era das humanidades não entendia vaidades de um “mundo cão” e sequer entendia a expressão, já que todo bichinho dessa espécie lhe parecia ser mais irmão e inteligente que muitos Jãos que barbaramente rangiam os dentes, pra prosear prosaicamente o que eles engoliam facilmente da televisão…” Bem humorado, crítico e sagaz!! Porrada de texto! A-do-reiiii! Vc é 10, querido!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s