Abalone


 

hand-1838345_960_720nem tudo me é claro
claro que não!
uso do ópio e trago tudo
todo errado e me entrego
e a tua voz me apaga
que praga!
só devia ir até aonde
a dor não mata
porque tu és dor!
mas vou ao teu encontro
e pronto,tu és corpo,
sou alma!
não conto a qualquer tonto
a minha vergonha
isso é tétrico!
que de tanto e mais que isso
despisto quando digo
no único boteco que me aguenta
e o que trago nos meus tragos
quando no palco
de ti eu trato?
tu és tanto de quase nada
que nem sei d’onde veio
essa joça de ideia
que me enterra em ti

Anúncios

14 comentários sobre “Abalone

  1. Simplesmente incrível. Me identifiquei muito com suas palavras, além de elas serem profunda, me peguei aqui recitando em voz alta na mesa de meu trabalho, ficou gostosa a sonoridade, tão natural quanto uma correnteza. Iniciando o ano novo com um toque especial que é teu e único.
    Forte abraço.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s